Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Entre ser e estar

Medos, sonhos, sentimentos e sentidos alerta. Aqui ficam as doçuras, no outro as travessuras.

Entre ser e estar

Medos, sonhos, sentimentos e sentidos alerta. Aqui ficam as doçuras, no outro as travessuras.

Chega

Sabes que mais?

Não te entendo.

Por mais que me esforce não percebo o que queres de mim, se é que queres alguma coisa.

Não sei se queres que vá ou que fique. Se queres a minha amizade ou o meu amor.

Não sei se é suposto aproximarmo-nos ou afastarmo-nos.

E analiso. Analiso-me a mim, porque estou dentro da minha cabeça e sei o que quero ou não quero. De ti, só posso analisar os sinais, as respostas. E dana-me que não entendo.

Faço um esforço sobrenatural por acreditar que vejo fantasmas onde tudo é claro como a água. Que não existe nada para entender.

E faço esse esforço quer a favor do abandono quer da aproximação.

Claro que a minha mente pessimista aponta quase sempre para o "nada existe".  E é aí que me dás sinais contrários.

Mas, sabes que mais?

Acho que estou a deixar de querer saber. Acho que já não me interessa o que queres.

Que daqui em diante é apenas o que eu sinto ou não sinto.

Já me chega.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D