Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre ser e estar

Medos, sonhos, sentimentos e sentidos alerta. Aqui ficam as doçuras, no outro as travessuras.

Entre ser e estar

Medos, sonhos, sentimentos e sentidos alerta. Aqui ficam as doçuras, no outro as travessuras.

Dias

IMG_20200617_005631.jpg

Há dias como noites, em que o céu nublado torna difusa a luz do sol. 

Todo o colorido, à nossa volta, surge desbotado, pardo, num silêncio pouco sacro, que incomoda.

São dias lentos, que se perdem nos vagares do quotidiano. 

Indiferentes a tudo isso, apenas as árvores, para quem as nossas sombras internas nada contam.

Estes são dias que, bem aproveitados, nos dão muito. 

A ausência do brilho lá fora faz olhar noutra direcção, se com sorte, para dentro.

Disse-me alguém, que nesses vagares de dia cinzento, sol pálido, tímido de amarelo, as cores estão lá, brilhantes como sempre, nós é que as estamos a ver com os olhos errados.

Basta pegar num pincel e com a imaginação colorir a paisagem com pinceladas de sentimentos, amores e desamores. 

Inagina: todo um mundo pintado de algum eu para outro tu, numa tela imaginada, a contar histórias por viver, e que um de nós idealizou. Um quadro de brilhos, de ilusões sonhadas que, um dia, serão cenário para um outro par de nós. 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D