Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Entre ser e estar

Entre ser e estar

Quedas

Caímos, levantamo-nos.

Voltamos a cair e a levantar.

Voltas da vida, numa espiral infinita

Que cria a ilusão de estarmos 

Sempre no mesmo lugar.

Ao fim de muitas quedas,

de falsas partidas,

de espirais descendentes,

a desilusão começa  a dar lugar

à habituação

e da dor surge o desinteresse 

Não um acreditar que é o nosso destino,

mas apenas um deixar de acreditar.

Até que uma nova curva de espiral

desemboca numa nova paisagem

que nos corta o fôlego 

e nos devolve a vontade de sonhar.

Até lá, é esperar, cair e levantar.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D