Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Entre ser e estar

Entre ser e estar

Sapatinho de cristal

DSC_0037.JPG

   De pequenina, imaginava sapatinhos de cristal, brilhos de festa, ensaios de  beijos  em sapos que rapidamente se transformavam em príncipes.

 Viagens pelo mundo, aromas exóticos desconhecidos, paisagens deslumbrantes.

 Um braço sobre os meus ombros a proteger-me nas aventuras.

  De repente o futuro tornou-se presente, e dos sapatinhos de cristal nem sinal.  Veio  a ausência de paciência para os brilhos de festa. Os beijos ensaiados,  viram princípes a transformarem-se em sapos. O mundo percorrido em  páginas  de vida de  outros.

E no entanto...

E no entanto, o futuro-presente transformou-se na viagem mais exótica de todas.

O prazer de uma noite a ouvir outros a contar os seus sonhos-viagens. 

O ensaio de um sorriso num momento de cumplicidade percebido por (muito) poucos.

A mão que me acompanha, por vezes pousada no ombro, outras levando a minha entrelaçada. Acompanhamo-nos mútuamente o passo. Lado a lado. 

Um sapo, que não é princípe, mas que reina no meu pensamento.

Um futuro deslumbrante, que se transforma num presente imaginado.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D